XVI Prêmio Volvo de Segurança no Trânsito

18/05/2007 - 20:58:00
Apatru ganha XVI Prêmio Volvo de Segurança no Trânsito

Antonia Aparecida da Silva, da Apatru, de São José do Rio Preto (SP), vencedora regional sudeste categoria Geral, recebeu o troféu de Hudson José. Sérgio Ossamu Ioshii e Rached H. Traya, diretores da Unimed Curitiba, vencedora nacional da categoria Empresa. Professora Ilsiney Rosa Barbosa, de Dracena (SP), vencedora nacional da categoria Geral.
     
Reverson dos Anjos Fernandes, vencedor nacional da categoria Estudante recebeu o troféu de Itamar dos Santos, Secretário da Defesa Social de Curitiba. Nelson Nereu Horta, de Belo Horizonte (MG), vencedor nacional da categoria Motorista Profissional. Sérgio Gomes, gerente de planejamento estratégico da Volvo entregou o troféu à prefeita Sandra Beatriz Silveira e Mário Jobim, da Cidade de Esteio, vencedora da categoria Cidade região Sul.
     
Clara Natália Steigleder, de Porto Alegre (RS), vencedora regional (sul) da categoria Estudante. Patrícia Rosas Rodrigues e Sergio Luiz Machado, do CFC Machaddo, foram os vencedores da categoria Geral (sul). Júlio Cesar de Mello, vencedor da categoria motorista profissional sul, recebeu o troféu de Lucimari Stocco, gerente de suporte a vendas e marketing da Volvo.
     
Alfredo de Freitas Almeida, secretário de transportes de São José dos Campos (SP), vencedor regional Sudeste categoria cidade recebeu o troféu de Carlos Ogliari, gerente de assuntos governamentais e institucionais da Volvo. Adélia Suzana Del Sarto, de Poços de Caldas (MG), vencedora da categoria Estudante, recebeu o troféu de José Luiz Schiavoni, da Abracom. Cristina Lúcia Bezerra Aragón, da Superintendência de Engenharia de Tráfego de Salvador,vencedora Nacional da categoria Cidade.
     
Leandro Salim, da ONG Rodas da Paz, de Brasília (DF), recebeu o troféu de Adriana Machado, da Camara Americana de São Paulo, pela categoria Geral regional Centro Oeste. Bernardo Fidalgo, gerente de vendas da Volvo do Brasil, entregou o troféu a Nelson Maragno e Leda Maria Cassonato, vencedores na categoria Empresa regional Sul.
Juraci Barbosa Sobrinho, da Companhia de Desenvolvimento de Curitiba entregou o troféu a Mateus Freitas e Jader Rezende, do jornal Hoje em Dia, de Belo Horizonte (MG), vencedor regional Sudeste categoria Imprensa.
     
Paschoal Trivisan Sobrinho, do DER-SP, vencedor regional Sudeste da categoria Empresa. Fábio Racy, presidente da Abramet, entregou o troféu a Vitor Zatti Facioni, de Porto Alegre, vencedor regional Sul da categoria Imprensa (VIT Comunicação/MTV) Sérgio Gomes, gerente de planejamento estratégico da Volvo entregou o troféu à prefeita Sandra Beatriz Silveira e Mário Jobim, da Cidade de Esteio, vencedora da categoria Cidade região Sul.
     
Renata Maria Beltrão Lacerda, do Diário de Pernambuco (PE), recebeu de Solange Fusco, gerente de Comunicação da Volvo, o troféu nacional da categoria Imprensa.
 

Texto do site da Volvo

VENCEDOR REGIONAL SUDESTE – CATEGORIA GERAL
Associação preventiva de Acidentes e de assistência às vítimas de trânsito - APATRU
Programa de Educação no Trânsito da APATRU


A Situação

O ano era 1999. A situação em São José do Rio Preto - SP, não era muito diferente do que acontecia nas grandes cidades. A diferença é que lá, um grupo de profissionais da saúde decidiu enfretar o quadro de grande violência no trânsito, com um alto número de vítimas principalmente entre os jovens. Chocados com este panorama, profissionais da Fundação Faculdade Regional de Medicina de São José do Rio Preto (Funfarme) buscaram um foco de ação e iniciaram um trabalho de conscientização nas escolas de ensino médio. No mesmo ano foi criada a APATRU (Associação Preventiva de Acidentes e de Assistência às Vítimas de Trânsito), uma Organização Não Governamental que tem como meta a preservação de vidas no trânsito. Os dois grupos decidiram agir em conjunto e assim surgiu o Programa de Prevenção de Acidentes de Trânsito.

A Ação

O Programa é executado por meio de três vertentes: o Mirim, o Teen e o Cidadão. O primeiro tem o objetivo de desenvolver a cidadania no trânsito, utilizando para isso material adequado para o trabalho com crianças. Dois exemplos de atividades são a criação de maquetes de cidade mirim, com semáforos e placas de sinalização, e um exercício de travessia da faixa de pedestre, com acompanhamento da Polícia Militar, dos pais, de professores e de atores profissionais.
O Programa Teen envolve encontros pontuais com jovens entre 15 e 17 anos. Os mais velhos recebem prioridade, pois logo receberão a Carteira Nacional de Habilitação. Os encontros procuram desenvolver uma atitude crítica sobre comportamento no trânsito, buscando envolvimento para que atuem na comunidade como agentes multiplicadores. Tudo isso é realizado de forma lúdica, com performances teatrais, filmes psico-educativos, palestras, dinâmicas de grupo e eventos, como a 1ª Mostra Estudantil de Arte Educação no Trânsito, realizada na Casa de Cultura, onde foi registrada a participação de um público de 1200 pessoas.
O último pilar do Programa, o Cidadão, está focado no público adulto e busca a sensibilização dos envolvidos para a necessidade de mudanças de comportamento. As campanhas educativas de rua são realizadas com o auxílio de atores performáticos e policiais militares, priorizando a região central da cidade, onde há maior incidência de atropelamentos. Várias atividades foram desenvolvidas entre os anos de 2003 e 2004: o Carnaval (13.000 pessoas); a Caravana da Cidadania (30.000 pessoas); o Concurso “Melhor Motorista de Caminhão do Brasil”; a Semana do Meio Ambiente; 5 Blitzes em datas comemorativas, com total aproximado de 19.300 pessoas; I Semana Integrada do Trânsito e o Lançamento do Guia de Orientações dos Direitos das Vítimas do Trânsito no Congresso Médico do Oeste Paulista. Desde 2004, a APATRU recebe do governo municipal verba oriunda da fiscalização eletrônica, o que possibilitou a implementação de todos os módulos do programa de Educação no Trânsito.

Os Resultados

Segundo dados estatísticos, entre 2000 e 2004, houve uma diminuição de cerca de 50% nas mortes no trânsito em São José do Rio Preto. O programa Mirim, implantado em 2005, atingiu em seis meses cerca de 1500 crianças, o que corresponde a 5% dos estudantes do Ensino Fundamental das redes pública e particular. No Programa Teen, a APATRU atingiu, em 23 encontros, um total aproximado de 8500 jovens, ou 43% dos alunos do ensino médio. O Programa Cidadão, por sua vez, atingiu 67.600 pessoas, o que corresponde a 17% da população de São José do Rio Preto. As ações planejadas para o futuro são uma campanha de Natal, onde 30 atores, policiais militares, escoteiros e voluntários vão orientar os pedestres a atravessar na faixa na área central da cidade, a fim de diminuir o número de atropelamentos na última semana antes do Natal. Também se prevê a criação de um banco de dados que irá direcionar as ações preventivas no futuro imediato.

Fonte: 
http://asp11.volvo.com.br/CTPVST/Documentos/regional_sudeste_geral.doc

Outras categorias vencedoras:
http://asp11.volvo.com.br/CTPVST/site/biblioteca/arquivo/frmVisualizaDocumentos.aspx?idCategoria=20



Bem vindo a Apatru!

  Quer ser um voluntário? Inscreva-se já.